sexta-feira, março 31, 2006

A Vingança do Demônio / Pumpkinhead

A Vingança do Demônio / Pumpkinhead (Vengeance, the Demon / Pumpkinhead, EUA, 1989)

Este filme foi a estréia na direção do mago dos efeitos especiais Stan Winston, que recusou dirigir "A Hora do Pesadelo 3" por esse filme aqui. Um dos profissionais mais respeitados e criativos da história do cinema, Winston é responsável, entre outros, pelos efeitos especiais e a maquiagem de "O Exterminador do Futuro", "O Exterminador do Futuro 2 - Dia do Julgamento", "Aliens", "Entrevista com o Vampiro", "O Sexto Sentido", de toda a série "Jurassic Park" e de "A.I - Inteligência Artificial", só para citar os mais famosos.
Em sua vitoriosa carreira, Winston já ganhou quatro Oscars, além de vários outros prêmios, como o BAFTA e o Clio Awards pelo seu fantástico trabalho. E não fez feio na direção deste filme de terror, produzido pela companhia de Dino de Laurentiis e que tem lugar em um grotão esquecido dos EUA.
Ed Harley (Lance Heriksen) é um fazendeiro e comerciante amável e feliz, vivendo com seu filho de dez anos, Billy (Matthew Hurley). A felicidade deles é destruída quando um grupo de jovens chega até a cidadezinha onde vivem para fazer motocross. Em um acidente, Billy é atropelado por uma das motocicletas e morre. Louco de dor, Ed procura uma bruxa, Hagiss (Florence Schauffler), buscando ressuscitar seu garoto. A velha diz que está além de seus poderes trazer os mortos de volta, mas que pode ajudar Ed a se vingar, convocando um demônio chamado Pumpkinhead (Cabeça-de-Abóbora), uma lenda da região.Sem pensar nas consequências, Harley utiliza os serviços da bruxa. Sua moralidade não admite que ele leve até o fim sua vingança, mas já é tarde demais: Pumpkinhead está à solta e não vai parar até que seu propósito seja cumprido...
Um filme de narrativa convencional e sem grandes inovações, mas feito com evidente paixão pela história e tentando sair do lugar-comum dos filmes de monstro, sem mostrar demais as mortes e utilizando bastante o jogo de luz e sombra para criar desconforto no espectador.A tarefa de usar mais a sugestão é auxiliada pela boa trilha sonora de Richard Stone e pela fotografia escurecida e adequada para criar um eficiente clima de suspense.O elenco feminino também sai da fórmula `muito-grito-pouca-roupa` e se sai bem, liderado por Cynthia Bain como Tracy, uma rara personagem feminina forte, pelo menos no terror.Cumpre ressaltar a excelente performance de Lance Henriksen, um de meus atores favoritos. O personagem é muito difícil, no sentido de que existe uma gama variada de sentimentos fortes pelos quais ele passa ao longo da trama: amoroso, vingativo, amargurado e arrependido. E Lance é a alma do filme, realmente.Ainda destaco que este aqui é um dos poucos filmes de terror que eu assisti que tem uma mensagem moral interessante e que não fica forçada: cuidado com o que você deseja, amigo. Pode acontecer, você pode não gostar de como a coisa vai e tudo tem a sua consequência.Mais uma curiosidade: o monstro é vivido pelo dublê Kevin Peter Hall, famoso por viver vários papéis desse tipo (Predador, Exterminador do Futuro, entre outros), auxiliado por um dos responsáveis pela confecção e criação de Pumpkinhead, Tom Woodruff, Jr.Somando tudo, acima da média e um bom programa. Só informo que esse filme é bastante difícil de achar, sendo mais fácil encontrar a sequência, "Pumpkinhead 2 - O Retorno" nas locadoras. O DVD saiu nos EUA, com alguns extras básicos (seleção de cenas e trailer de cinema original).
Um trecho que eu consegui encontrar do poema que inspirou o filme. Não sei se existem mais estrofes:
"Keep away from Pumpkinhead,
Unless you`re tired of living,
His enemies are mostly dead,
He`s mean and unforgiving,
Bolted doors and windows barred,
Guard dogs prowling in the yard,
Won`t protect you in your bed,
Nothing will, from Pumpkinhead."
O título do filme foi mudado quando a companhia de De Laurentiis vendeu os direitos sobre o filme para a United Artists.
Elenco: Lance Henriksen (Ed Harley), Jeff East (Chris), John Di Aquino (Joel), Joel Hoffman (Steve), Kimberly Ross (Kim), Cynthia Bain (Tracy), Kerry Remsen (Maggie), Matthew Hurley (Billy Harley), Brian Brewer (Bud Wallace), George `Buck` Flower (Grandpa Wallace), Florence Schauffler (Hagiss) e Kevin Peter Hall e Tom Woodruff Jr. (ambos como Pumpkinhead).
Direção: Stan Winston; Estória: Mark Patrick Carducci, Stan Winston e Richard C. Weinman, inspirados em poema de Ed Justin; Roteiro: Mark Patrick Carducci, Gary Gerani e Ed Justin; Trilha Sonora: Richard Stone; Edição: Marcus Manton; Design de Produção: Cynthia Kay Charette; Efeitos Especiais e Maquiagem: Alec Gillis, Richard Landon, Shane Patrick Mahan, John Rosengrant e Tom Woodruff, Jr.; Fotografia: Bojan Bazelli; Produtor Executivo: Alex De Benedetti; Produtores: Howard Smith e Richard C. Weinman.

Nenhum comentário: